terça-feira, 16 de julho de 2013

Alunos de medicina ocupam reitoria da Universidade Gama Filho no Rio

Estudantes de medicina da Universidade Gama Filho (UGF) ocuparam nesta segunda-feira à noite (15) o prédio da reitoria da universidade pedindo transparência ao grupo Galileo Educacional — que administra a instituição de ensino — e o pagamento dos salários atrasados aos professores, que já realizaram duas greves no período letivo corrente.
Na sexta-feira (12), os docentes anunciaram a paralisação, caso não fosse feito um depósito até esta segunda, conforme havia sido acordado com a Galileo. Os alunos compraram a briga e estenderam o protesto. Os docentes, por sua vez, recuaram e mantiveram as aulas para não prejudicar os formandos, que precisam do diploma para cursar o internato — quando atendem, como num estágio, em hospitais.
Fotos Jadson Marques